22 de outubro de 2010

Chegando lá...

Roupas

Além de seguir todo compromisso passado pelas escolas ou agências, pela qual o intercâmbio foi fechado, é necessário suprir outras necessidades como comprar roupas, por exemplo.

Seguindo a dica dos amigos que já moraram na Irlanda, levar muita roupa na mala é levar peso a toa. Nossos casacos brasileiros não comportam o frio irlandês. As temperaturas no verão podem chegar ao máximo 20°C e no inverno a mínima pode chegar a -6°C, sem contar o vento constante em qualquer estação do ano, o que faz a sensação térmica ser a vilã do frio que sentiremos.

Neste caso, temos que separar uma grana a mais para comprar alguns casacos assim que pisarmos na ilha. Mas não precisamos nos preocupar muito com preços, como disse anteriormente, o custo de vida em Dublin é muito baixo e algumas lojas oferecem bom preço e boa promoção.

Passando algumas dicas que recebi, uma loja bem popular em Dublin é a Penneys, como se fosse uma C&A. Uma outra opção são os brechós em Dún Laoghaire, próximo a estação com o mesmo nome. Além de algumas promoções em algumas lojas na Talbot Street, próximo ao monumento Spires (que fica na O´Connell Streets, a principal avenida de Dublin).

Acomodações

Optei a princípio, por uma semana de acomodação em casa estudantil, oferecida pela escola que fechei o intercâmbio. Você pode ficar o período que achar necessário lá, mas pesquisei sobre isso e vi que acomodações em casa estudantil ou casa de família são bem mais caras do que a locação de uma casa, apartamento ou quarto.

O valor do aluguel é pago por semana e não existe toda a burocracia encontrada no Brasil. Se você não deseja ficar mais no imóvel, basta avisar o proprietário no prazo de uma semana que antecede a sua saída.

O que compensa é fazer amizades e encontrar uma casa ou um apto para dividir com essas pessoas, além de ter companhia ainda pagaremos um valor acessível referente ao aluguel, o que ajudará nas economias!

Podemos buscar imóveis através do site http://www.daft.ie/. Há vários anúncios de imóveis e de pessoas que gostariam de dividir apartamentos ou casas. 

Uma outra opção é utilizar hostel, mas não por um período longo por causa da rotatividade, mas ajudaria no começo, caso não consiga ninguém para dividir as despesas com aluguel, é só visitar o site http://www.hostelworld.com/  e buscar uma melhor opção.

E a comunicação, como fica?

Realmente a grana extra é necessária, porque além de comprar roupas, precisamos ter em mãos um telefone celular para que as empresas entrem em contato conosco a respeito de trabalho e para nos comunicarmos com nossos novos amigos.

Ainda bem que o custo de vida na Irlanda é baixo....

Recebi sites de algumas operadoras irlandesas, elas oferecem um preço interessante em seus aparelhos, mas não sei dizer qual delas seria a melhor para adquirir, isso descobriremos por lá:

Three – www.three.ie
Meteor – www.meteor.ie

Ao que se refere ao acesso a internet, a cidade inteira é abastecida com pontos de Wi-Fi com acesso gratuito, basta levar seu note e matar a saudade da galera no Brasil.

Trabalho

O prazo mínimo para se conseguir um emprego em Dublin é de dois meses. Acredito também que isso vai depender muito da vontade e do inglês de cada um, pois para conseguir um emprego por lá, tem que ser muito persistente e comparecer aos lugares, não somente entregar os currículos via internet.

Antes de procurar emprego, precisamos ter em mãos o PPS Number, que é um registro que nos dará o direito ao trabalho legal no país e que será utilizado para outros fins, ao que se referente a legislação trabalhista. É necessário pagar o valor de € 150,00 para aquisição.

As orientações para adquirir o PPS Number serão dadas na escola em que você foi matriculado.

Segue abaixo a lista de alguns sites para cadastro do currículo:


Além dos sites, há um posto de atendimento chamado FAZ Ireland, onde há várias vagas e geralmente as mesmas que constam em sites.

Visitar algumas agencias também ajuda. A NOEL e a ADECCO ficam na Dawnson Street, paralela a Grafton Street

Uma dica boa, principalmente de quem sempre trabalhou em RH na vida (eu!!), se apresentar com roupas formais e adequadas ajuda em qualquer país.

Transporte

Podemos emitir uma carteirinha de estudante na Trinity College (geralmente a escola em que você vai estudar lhe encaminhará para a emissão da carteirinha). O valor da emissão é de € 15,00 e ela fica pronta na hora. Com a carteirinha, teremos diversos descontos, principalmente na utilização dos trens, Luas e ônibus no país.

Os horários e itinerários dos ônibus podem ser conferidos através do site http://www.dublinbus.ie/. Um amigo que morou lá me disse que através do site, podemos cadastrar nosso celular para recebermos os horários em qualquer lugar, o que facilita principalmente quando estivermos em fase de adaptação.

Os horários e itinerários das Luas, um transporte parecido com um metrô, podem ser conferidos através do site http://www.luas.ie/. É o transporte mais rápido e barato da cidade.

O DART é o trem, circula por quase toda a cidade de Dublin e o interior da Irlanda, além de fazer conexões para Irlanda do Norte. Para conferir horários e itinerários http://www.dart.ie/.
__________________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário